Gestão e Engenharia da Qualidade - MBA POLI USP - pecepoli

PRÉ INSCRIÇÃO - MBA
Gestão e Engenharia da Qualidade – MBA POLI USP

Pacman


Dúvidas?
Para maiores informações, por favor, entrar em contato com a nossa Central de Apoio ao Aluno:
Atendimento online: de segunda-feira à sexta-feira, das 08h30 às 20h00.
E-mail: atendimento@pecepoli.com.br

Gestão e Engenharia da Qualidade – MBA POLI USP

Um curso que instrui e capacita o participante a colocar seus conhecimentos em prática no dia a dia de suas organizações, possibilitando crescimento profissional e rentabilidade para a empresa.

• Campus
PECE/POLI/USP
• Carga Horária Total
480h
• Duração
30 meses
• 2 x por semana (2ª à 6ª feiras)
19h20 - 22h40
• Turma
2022
• Início das aulas
21/02/2022

Conteúdo

Estrutura curricular

O curso tem uma estrutura aberta, de forma a permitir que o participante possa escolher módulos que mais interessem a sua área de atuação profissional.

O aluno deverá cumprir uma carga horária mínima de 480 horas, sendo 420 horas/aula e 60 horas atividade de monografia (trabalho de conclusão de curso).

Duração

O prazo máximo para a conclusão do curso é de dois anos e meio (30 meses), sendo o ano letivo composto por quatro ciclos, cada um com cerca de dois meses e meio de duração.

Disciplinas obrigatórias

A grade é composta pelas disciplinas que devem ser necessariamente cursadas para completar o Curso, a saber:

Código Disciplina
GEQ-001 Sistemas da Qualidade – ISO-9000
GEQ-003 Estatística Aplicada à Engenharia da Qualidade
GEQ-057 Gestão de Processos I
GEQ-058 Gestão de Processos II

Disciplinas eletivas

São outras disciplinas oferecidas, que podem ser selecionadas pelo participante para complementar seu curso da forma que melhor lhe convier. Compreendem assuntos em diversas áreas relacionadas com a obtenção da qualidade e a busca da excelência: gestão de processos, realização de produtos, marketing, tecnologia e inovação, inteligência, comunicação pessoal e organizacional, metrologia, manutenção, logística, métodos estatísticos, qualidade ambiental, confiabilidade, gestão de riscos, engenharia econômica, gerenciamento de custos, gestão de projetos, etc.

Disciplinas

1. Fundamentos da Teoria dos Sistemas.

2. Sistemas internacionais de gestão da qualidade. Relação com outros sistemas.

3. As normas da família ABNT NBR ISO-9000. Normas setoriais e Relatórios Técnicos.

4. As normas ABNT NBR ISO 10.000 e 19.011.

5. Certificação de sistemas da qualidade.

6. Análise dos requisitos para sistemas da qualidade.

7. Documentação de sistemas da qualidade: manuais e procedimentos.

8. Planejamento da qualidade.

9. Implantação e manutenção.

10. O modelo ISO e a qualidade total.

1. Análise de dados.

2. Probabilidades.
 
3. Variáveis aleatórias discretas e contínuas. 

4. Principais distribuições de probabilidades. 

5. Distribuições amostrais. 

6. Estimação, intervalos de confiança. 

7. Teste de hipóteses.

1 - Abordagem de Processo;

1.1 Introdução: processos e a teoria dos sistemas. 

1.2 A abordagem de processos nas normas internacionais de gestão. 

1.3 A abordagem de processos em outros modelos ocidentais de gestão. 

2 - Descrição e desempenho dos Processos.

2.1 Conceituação de processo. 

2.2 Classificação dos processos. 

2.3 Elementos do processo; fronteiras e interfaces; entradas e saídas, clientes e fornecedores. 

2.4 Planejamento e mapeamento de processos, 

2.5 Planos da qualidade. 

2.6 Indicadores para a melhoria continuada. 

3 - Abordagem Lean.

3.1 Kaizen: os modelos orientais. 

3.2 O Sistema Toyota de produção. 

3.3 Pensamento, conceitos e ferramentas. 

3.4 A vantagem competitiva. 

3.5 Serviço Lean. 

4 - Redesenho dos Processos. 

4.1 Mudança. 

4.2 Sistema de Sugestões. 

4.3 Atividades em Pequenos Grupos. 

4.4 Projetos curtos. 

4.5 Projetos longos. 

4.6 Redesenho integrado. 

5 - Exercícios aplicados.  

1 - Análise dos Processos.

1.1 Ideias básicas.

1.2 A causa dos defeitos.

1.3 Variabilidade.

1.4 Diagnóstico de processos.

1.5 Obtenção e tratamento de dados.

1.6 Diagramas de Pareto, de Ishikawa e de dispersão.

1.7 Histogramas.

1.8 Distribuições e parâmetros.

1.9 A distribuição Normal.

1.10 As distribuições Binomial e de Poisson.

2 - Controle dos Processos. 

2.1 Gráficos de Shewhart.

2.2 Gráficos de variáveis.

2.3 Estabilidade dos processos.

2.4 Gráficos de atributos.

3 - Capacidade dos Processos. 

3.1 Situações de processo.

3.2 Critérios de capacidade.

3.3 Índices de capacidade.

4 - Exercícios aplicados.

1. Estratégia. Histórico. Autores clássicos. Autores modernos. Conceituação.

2. Planejamento estratégico. Visão de negócios. Políticas, objetivos e metas. Planejamento e estruturação de negócios. Dimensões estratégicas de negócios. Avaliação comparativa (benchmarking). Fatores de competição: informação, recursos, qualidade e tecnologia. Desenvolvimento da vantagem competitiva: princípios, efeitos políticos, efeitos econômicos e efeitos tecnológicos. Modelos. SWOT.

3. Gestão estratégica. Dinâmica da rivalidade empresarial. Dinâmica dos processos estratégicos. O Balanced Scorecard. Desenvolvendo recursos. Gerenciando os atributos dos recursos. A Tomada de Decisão e sua associação com Risco. Estruturação do processo de tomada de decisão.

4. Exercícios aplicados.

1. Introdução - Por que gestão do conhecimento? A era do conhecimento. Conceitos básicos e abordagens.

2. A gestão do conhecimento nas organizações. Estratégia e governança de gestão do conhecimento.

3. Processo de gestão do conhecimento.

4. Ferramentas e práticas de GC. Captura e organização.

5. Ferramentas e práticas de GC. Mobilização e inovação.

6. Infraestrutura para a gestão do conhecimento. Sistemas de informação e comunicação.

7. Cultura organizacional e GC.

8. Integração da gestão do conhecimento e gestão por processos. Impulsionando a qualidade por meio do conhecimento.

9. Mensuração de resultados e evolução estratégica da GC.

10. Gestão da informação.

1. Introdução ao conceito de confiabilidade/definições básicas.

2. Revisão de estatística. (conceitos básicos, características das funções densidade de probabilidade, regressão linear).

3. Caracterização estatística da confiabilidade. (modelos com taxas de falha constantes e variáveis no tempo).

4. Aplicação de métodos gráficos e analíticos para estimação de parâmetros.

5. Testes de confiabilidade/estimativas de taxas de falha/testes acelerados.

6. Confiabilidade de sistemas/sistemas série e paralelo/sistemas redundantes/análise de modos e efeitos de falha ("FEMA")/análise por árvore de falha ("FTA").

7. Influência da manutenção na confiabilidade/disponibilidade de sistemas.

8. Confiabilidade de componentes sujeitos à ação de esforços mecânicos.

9. Análise de risco.

1 - Apresentação da norma ISO 9001:2015 Objetivo, campo de aplicação e estudo dos principais termos e definições utilizados.

2 - Atividades necessárias para apoiar um sistema de gestão.

3 - O papel da liderança.

4 - Implantação de Sistemas em organizações.

5 - A administração de um Sistema implantado.

6 - Técnicas para monitoramento e avaliação do Sistema.

7 - Auditorias dos Sistemas de Gestão.

1 - Por que Compliance? Por que agora?

2 - A essência do Compliance: "minimizar impactos causados pelo não cumprimento de procedimentos e normas regulatórias".

3 - O pilar: Operação, Gestão de riscos e Compliance

4 - Atos de Corrupção e contra a Integridade no setor privado.

5 - Boas práticas para uma empresa íntegra.

6 - Apresentação da norma ISO 19600:2014 - Compliance e da norma ISO 37001:2016 enfatizando: Objetivos, campos de aplicação e estudo dos principais termos e definições utilizadas.

7 - As alterações e adequações na estruturação do sistema de gestão da organização para contemplar o tema Compliance nos negócios.

1. Produção de bens e serviços. A qualidade em serviços.

2. Características e elementos dos serviços.

3. Gestão da organização de serviços.

4. O cliente e seu comportamento.

5. A percepção do cliente. Momentos da verdade. Relacionamentos.

6. Modelo dos 5 Gaps. Teoria e prática. Estudo de caso.

7. Elaboração e apresentação de um trabalho em grupo.

1. As "7 Novas Ferramentas": diagrama de relações; diagrama de afinidade; diagrama sistemático; diagrama de matriz; análise dos dados da matriz; diagrama do processo de decisão, diagrama de setas; exemplos e exercícios.

2. QFD - Desdobramento da Função Qualidade: objetivos; conceitos básicos; a tradução da voz do cliente; expectativas e necessidades; clientes externos e internos; planejamento do produto; desdobramento do produto; planejamento dos processos; planejamento da obtenção do produto; matrizes de síntese; índices de desempenho; exemplos e exercícios.

3. Redes de Processos: aumento da complexidade; ótimo local x resultado global; perdas; aumento da ineficiência, indicadores; ponto de vista do cliente; interação; objetivos em contracorrente; desdobramento dos objetivos globais; exemplos e exercícios.

4. Custos da Qualidade: sistema de medição; identificação dos custos; metodologia PAF (categorias); sistema de custos da qualidade; componentes do sistema; benefícios e implicações estratégicas; exemplos e exercícios.

5. Exemplos e exercícios.

1 - Automotivação e Inteligência Emocional

2 - Motivação e Trabalho: Aspectos históricos da Administração de Empresas: dos primórdios à Qualidade Total

3 - Motivação de pessoas: a riqueza arquetípica e os metamodelos 6 a) Motivando o cliente interno: colaboradores 6 b) Motivando o cliente externo: consumidores

4 - A criação de uma cultura motivacional na empresa

5 - Motivação: novas tendências. Era Industrial x Era Ecológica: visões de Mundo e contrastes

6 - Motivação e lazer: ócio criativo e o princípio do prazer

7 - Linha do Tempo: colocação de objetivos no futuro

8 - Motivação e solidariedade: voluntariado e crescimento pessoal

9 - Modelagem e Excelência

1. Introdução.  Histórico e benefícios da qualidade total. Tratamento do cliente

2. Perspectiva Estratégica da Qualidade

3. TQM e Modelos de Excelência. Gerenciamento das Diretrizes

4. Padronização dos processos. Gestão por Processos

5. Tomada de decisões baseadas em fatos e dados. Indicadores da qualidade ou itens de controle

6. Busca constante da melhoria. Rompendo com o passado. Combate ao desperdício. Seis Sigma

7. O ciclo do PDCA e seu uso. O Programa 5S. Gerenciamento da rotina

8. Respeito e valorização do ser humano. O colaborador e a organização. Comunicação

9. Governança da qualidade total

1- Crise ambiental, causadores da degradação ambiental; resíduos - definição, geração. Introdução às energias renováveis. Aspectos e impactos ambientais. Uso racional de recursos. Questões ambientais nas empresas.

2- Poluição das águas. Gestão da qualidade da água. Caracterização de águas e efluentes industriais. Redução e reuso de água. Processos de tratamento de efluentes.

3- Poluição atmosférica. Gestão da qualidade do ar. Padrões de qualidade do ar. Controle de emissões. Estratégias para redução da poluição.

4- Poluição do solo. Gestão da qualidade do solo. Reciclagem e redução de resíduos. Geração, classificação e disposição de resíduos sólidos.

5- Legislação ambiental. Legislação pertinente aos resíduos sólidos, líquidos e emissões. Selos Verdes e Rotulagem ambiental.

6- Implementação de sistemas de Gestão Ambiental, modelo ISO14001.

7- Exercícios.

1- Sistemas de Gestão & Método Integrado: análise de cenários, partindo das visões, missões, diretrizes das empresas, passando pelos sistemas de gestão, gerenciamento da rotina e atingindo os resultados esperados

2- Visão executiva geral do seis sigma, o que é "seis sigma"; origem; histórico; metodologia, fases do processo; seis sigma como um programa de gerenciamento de operações produtivas

3- Preparando e adaptando o seis sigma à sua organização

4- Implementando o seis sigma, passo a passo e conhecendo e desenvolvendo ferramentas necessárias

5- Integrando conhecimento técnico, ferramentas e método

6- Conceito estatístico do seis sigma, pensamento estatístico, ideia de variação; tipos de distribuição, controle estatístico de processos; exercícios práticos;

7- Determinação dos níveis de sigma: medidas de centralização, medidas de dispersão, o significado de desvio padrão, curva normal, dpu - defeito por unidade, dpo - defeitos por oportunidade, dpmo - defeitos por milhão de oportunidade, exercícios práticos;

8- Evolução para o padrão "seis sigma": descrição da metodologia dmaic (define, measurement, analyse, improve and control - definição, medição, .análise, melhoria e controle);

9- Identificação, seleção e planejamento de projetos: estabelecimento de métricas e proposição de resultados; levantamento observacionais (o processo está sob controle? Onde estão as oportunidade de melhoria?); uso de dados históricos; mapeamento de processos, capacidade de processos.

10- Execução e controle de projetos: sucessão de experimentos planejados; diminuição da variabilidade e melhoria de qualidade e custo; estudos de confiabilidade; gerenciamento; estudo de "cases";

11- Interface com técnicas estatísticas e ferramentas da qualidade: carta de controle; FMEA - análise dos modos e efeitos de falhas; doe - planejamento de experimentos; técnicas de resolução de problemas; gráficos de correlação; ferramentas de melhoria contínua/pdca/entre outras.

12- Desenvolvimento de líderes, equipes: atores do processo; papel de especialistas e líderes de projeto; sistema de treinamento; estrutura para formar os green belts, black belts e master black belts.

1 - Conceitos e objetivos da Análise e Engenharia de Valor.

2 - História origem e implantação.

3 - Descrição de Funções em produtos e processos.

4 - Valor das funções em produtos e processos.

5 - Custos e investimentos na produção industrial e na implantação de serviços.

6 - Grau de valor de cada função em produtos e processos. Análise comparativa.

7 - Seleção prioritária das ações otimizadoras. 

8 - Fases etapas e atividades no desenvolvimento dos projetos.

1. Teoria da Comunicação. Lingüística e Comunicação. Mídias e sua importância na Comunicação.

2. Programação Neurolingüística: Histórico e técnicas.

3. Capacidade cerebral. Hemisférios cerebrais.

4. Sistemas Representacionais. Diferentes perfis do público receptor. Pistas de captação e identificação.

5. Evitando as armadilhas da linguagem. Processos universais de aprendizagem. Âncoras.

6. Linguagem de persuasão. Princípios básicos de oratória.

7. Rapport: entrando em sintonia. Como levar a mesma mensagem a pessoas de diferentes níveis?

8. Crenças e valores. Rompendo limites. Implantando mudanças.

9. A busca do significado útil. Ressignificação de conteúdos.

10. Exercícios de comunicação oral e escrita, verbal e não-verbal.

1. Introdução à contabilidade de custos.

2. Definições e Terminologia Contábil

3. Sistema de custeio do produto ou serviço por absorção: Departamentalização; Por processo; Por ordem de serviço.

4. Sistema de custeio variável: Margem de Contribuição

5. Análise de decisão a curto prazo com o uso de Margem de Contribuição: Aceitação de Pedidos adicionais, Precificação Mínima, decisão quanto a Terceirização.

6. Análise econômica de sistemas de produção e serviços sujeitos a restrições de capacidade

7. Análise econômica de Custos Conjuntos

8. Custos como informação gerencial para tomada de decisão em empresas de serviços

9. Sistema de custeio baseado em atividades (ABC) - Abordagem inicial.

1. Meios de Comunicação/ Rede de Informações

2. Melhorando a Comunicação Interna nas Empresas a) Brainstormings e reuniões b) Entrevistas c) Apresentações d) Avaliações e) Negociações

3. Melhorando a Comunicação Externa a) Relacionamento com a imprensa b) Assessoria de Imprensa e Relações Públicas

4. Produção de documentos (apresentações, papers)

5. Relacionamento com o Consumidor

6. Marketing de Produto e Marketing Institucional

7. Elementos para a seleção e criação de peças de divulgação visando à propaganda e publicidade (sites, redes sociais, banners, folders, manuais, política, missão, visão e slogan)

8. Melhorando a comunicação escrita (e-mails, cartas, relatórios, contratos, etc.)

1. A teoria da inteligência através dos tempos

2. Concepções de inteligência

3. Abordagens fatoriais da inteligência

4. Abordagens biológicas e cognitivas da inteligência

5. Inteligência geral (fator "g")

6. Inteligências múltiplas;

7. Quem é mais inteligente: o homem ou a mulher?;

8. Quociente intelectual (QI) e hereditariedade;

9. Intercação gene-ambiente: Mitos e verdades;

10. Inteligência emocional;

11. Inteligência: ensino e tecnologia;

12. Inteligência: mitos e verdades;

13. Mensuração da inteligência;

14. Propriedades metrológicas dos testes de inteligência;

15. Testes dinâmicos e estáticos da inteligência.

1 - Apresentação das normas ISO 9001, ISO 14001 e OHSAS 18001: Objetivo, campo de aplicação e estudo dos principais termos e definições utilizados.

2 - Identificação e avaliação de perigos e riscos ocupacionais, de aspectos e impactos ambientais e dos requisitos relacionados aos clientes.

3 - Correlação entre os requisitos.

4 - Sistemas: Conceitos e Definições.

5 - O que é um SIG Sistema Integrado de Gestão: Definição, Justificativas e estratégias de implantação.

6 - Vantagens e desvantagens da implantação conjunta de um SIG.

7 - A administração de um SIG

1) O quê é liderança?

2) Os diferentes estilos de liderança;

3) Teorias comportamentais da liderança;

4) Teorias situacionais da liderança;

5) Traços de personalidade e liderança;

6) Competências da liderança;

7) Liderança e inteligências múltiplas;

8) Liderança e inteligência emocional;

9) Líderes versus seguidores;

10) A percepção dos líderes.

1.Integrando a Metodologia Six Sigma ao Sistema de Gestão;

2.Desdobramento das Diretrizes - Alinhamento de Metas com Sistema de Gestão;

3.D: Define (Identificação do Problema): ·Mapa de Raciocício ·Análise do Sistema de Medição ·Gráfico Seqüêncial

4.M: Measure (Análise do Fenômeno): ·Folha de Verificação / Amostragem; ·Estratificação e Diagrama de Pareto; ·Histogramas e Cartas de Controle;

5.A: Analyse (Análise do Processo) : ·Brainstorming; ·Ishikawa ou Diagrama de Causa e Efeito; ·Fluxogramas e Mapas de Processo ·FTA ·FMEA ·Planejamento de Experimentos e Diagrama de Dispersão;

6.I: Improve (Elaboração do Plano de Ação) : ·EVOP - Teste na Operação; ·5W2H e Diagrama de Barras;

7.C: Control (Verificação dos Resultados e Padronização) : ·Relatório de 3 Gerações; ·Retorno Econômico - Financeiro e Fluxo de Caixa;

8.Fechamento do Curso: Entrega dos Projetos.

OBS: pré-requisito das disciplinas GEQ-032 "Metodologia 6 Sigma para a Excelência Operacional"  e GEQ-058 "Gestão de Processos II"

1. Motivação e Visão geral do curso Introdução ao Pensamento Sistêmico Introdução à Dinâmica de Sistemas Como se desenvolve um modelo?

2. As cinco disciplinas do Pensamento Sistêmico:  Pensamento sistêmico  Domínio mental  Visão compartilhada  Aprendizagem em equipe;

3. Arquétipos do Pensamento Sistêmico Crescimento exponencial Malha de equilíbrio Limite de crescimento Equilíbrio com atraso Transferência de responsabilidade

4. Diagramas Causais Apresentação dos componentes Exemplos; 

5. Exercícios de Diagramas Causais;

6. Diagramas de Forrester Conceitos de nível e vazão Apresentação dos componentes Exemplos;

7. Exercícios de Diagramas de Forrester;

8. Exemplo de simulação de sistema complexo;

9. Apresentação oral dos alunos Entrega dos trabalhos escritos.

1. Acompanhamento e controle de processos: A causa dos defeitos. Fatores que afetam a Qualidade (Ishikawa e Feigenbaum). Variação. Obtenção e tratamento de dados. Distribuições e parâmetros. A distribuição normal. Outras distribuições importantes. Métodos estatísticos para a gestão de processos. Métodos básicos. Cartas de Shewhart. Estabilidade de processos. Capacidade de processos.

2. Introdução ao planejamento e avaliação de experimentos: Objetivos do Projeto de Experimentos; Terminologia; Fases do Projeto de Experimentos; Definição das variáveis; Planejamento; Execução; Análise; Otimização.

3. Introdução a Análise de Variância (ANOVA): Experimentos com um fator, Efeito do número de réplicas, Modelo de Duncan.

4. Regressão: Regressão linear simples e múltipla, estimação de parâmetros e intervalos de confiança. Aplicação da Regressão Linear na Análise de Variância.

5. Experimentos Fatoriais com dois ou mais fatores: Conceito de interação entre fatores. Modelo estatístico de análise e seus respectivos testes de hipóteses, Experimentos com repetições (ou réplicas).

6. Quadrados Latinos: Considerações inicias, quadrados latinos, aplicações e exercícios.

7. Conceitos Básicos de Operação Evolutiva (EVOP): introdução, passos para aplicação da técnica EVOP.

8. Exercícios de aplicação: ao longo do curso será realizada uma série de exercícios de aplicação, incluindo a programação em planilhas eletrônicas.

OBS: Pré-requisito: disciplina GEQ-003 "Estatística Aplicada à Engenharia da Qualidade"

1. A abordagem de risco.

1.1 Conceituação de risco, .

1.2 A abordagem de gerenciamento de riscos nas normas internacionais de gestão

1.3 Identificação, avaliação e classidicação dos riscos.

1.4 Análise quantitativa e qualitativa dos riscos.

2. ISO 31000.

2.1 Conceitos.

2.2 princípios de Gerenciamento de Riscos.

2.3 Processo de Gerenciamento de Riscos.

2.4 Fontes de Risco. Tratamento e Consequências 3. FMEA (Failure Mode and Effect Analysis)

3.1 Conceituação e utilização da ferramenta.

3.2 Tipos de FMEA.

3.3 Severidade, Ocorrência, Detecção.

3.4 Aplicação prática da ferramenta em diferentes processos.

4. Gerenciamento de Riscos Corporativos.

4.1 Conceituação.

4.2 ERM/ COSO e o impacto nos objetivos organizacionais.

4.3 Medidas de resposta ao risco.

4.4 O papel das auditorias internas.

4.5 Técnicas de identificação de eventos.

4.6 Monitoramento Contínuo.

5. Exercícios aplicados.

1- O Planejamento do Projeto: Objetivos da empresa e do projeto: produto, mercado, prazo, investimento, custo e lucratividade. Requisitos técnicos do produto.

2- A Viabilidade do Projeto: Concepção das Soluções. Análise Técnica. Análise Econômica. Análise Financeira. Definição da Viabilidade do Programa. Aplicação da Engenharia Simultânea.

3- O Projeto Básico: Escolha da Concepção, Modelagem do Produto. Análise da Sensibilidade. Análise da Compatibilidade. Análise da Estabilidade. Otimização do Projeto. Engenharia do Valor (EV). Consolidação do Projeto Básico.

4- O Projeto Executivo: Programação do Projeto Executivo. Estrutura do produto. Projeto dos Conjuntos. Projeto dos Componentes e Peças. Construção e Montagem dos Protótipos. Testes dos Protótipos. Certificação do Projeto.

5- A implantação da fabricação: Programação. Fluxogramas dos processos. Projeto de Instalações. Implantação, capacitarão e certificação da produção.

6- Comercialização e acompanhamento: O Ciclo de Vida. Desempenho. Acompanhamento Econômico-Financeiro. Retirada do produto do mercado.

Monografia

O aluno deverá elaborar uma monografia sobre um tema correlato a “Gestão e Engenharia da Qualidade” que será avaliada por uma banca de professores. A supervisão desta atividade ficará a cargo do coordenador do programa.

As atividades Monografia I e Monografia II (atividades pagas) serão oferecidas quatro vezes ao ano. A condição básica para que o aluno possa se inscrever nestas atividades é que tenha concluído com êxito um número de disciplinas correspondente ao mínimo de 270 horas aula (75% dos crédito mínimos exigidos).

Critério Geral de Aprovação e obtenção de certificado USP

Para ser considerado aprovado no Curso “Gestão e Engenharia da Qualidade”, e ter direito ao respectivo Certificado de Conclusão, o participante deverá satisfazer todos os seguintes requisitos:

  • ter frequência igual ou superior a 75% (setenta e cinco por cento) em cada uma das disciplinas e atividades;
  • obter nota final igual ou superior a 7,0 (sete) em cada uma das disciplinas. A avaliação em cada disciplina será feita de acordo com o critério previamente estabelecido em cada uma delas, envolvendo provas, trabalhos, etc.;
  • ter se inscrito e realizado na atividade Monografia devendo obter nota final igual ou superior a 7,0 (sete), em avaliação realizada por banca examinadora.

Oferecimento e realização das disciplinas

As disciplinas serão oferecidas nos ciclos do PECE, a critério deste, e serão realizadas desde que haja um número mínimo, estabelecido pelo PECE, de participantes matriculados.

Grade de disciplinas

A grade selecionada deverá ser concluída no período estabelecido pelo Termo de compromisso assinado pelo aluno, e deverá cumprir cronograma financeiro sugerido no ato da matrícula. Qualquer alteração na grade acadêmica implicará em mudanças no cronograma financeiro.

ATENÇÃO! - O Programa de Educação Continuada da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (PECE/EPUSP) reserva-se o direito de não realizar este curso, ou modificar sua data.

Hoje em dia está mundialmente consolidada em todos os setores responsáveis a percepção de que o caminho da competitividade passa necessariamente pela obtenção da qualidade. A maioria dos países, principalmente os mais ricos e desenvolvidos, desejosos de manter sua posição relativa no cenário mundial, possuem programas governamentais voltados para incentivas e premiar a Qualidade nas organizações. Sejam estas privadas ou públicas, industriais, de serviços ou comerciais, e mesmo sem fins lucrativos, como aquelas voltadas para o terceiro setor. Felizmente o Brasil também está inserido, e com participação hoje significativa, nessa corrente competitiva através da qualidade. A rápida adoção universal das normas internacionais da qualidade da série ISO 9000, já agora secundadas por normas setoriais como, por exemplo, a ISO/TS 16949 do setor automobilístico, constitui outra evidência desta percepção da importância da qualidade para a diferenciação e, portanto, para a competitividade e a sobrevivência das organizações nos anos vindouros. Tanto assim, que nos setores mais competitivos da economia, onde a diferenciação se faz pela qualidade, os executivos para os cargos de direção vêm sendo cada vez mais escolhidos por incluírem em sua formação sólidos conhecimentos nas disciplinas da Qualidade. Grandes organizações nacionais e internacionais com atuação em nosso país, como PETROBRAS, EMBRAER, AMBEV, FORD, GM, VOLKSWAGEN e GE, entre inúmeras outras, oferecem exemplos conspícuos desta tendência.

Objetivo

O objetivo dos Cursos de Gestão e Engenharia da Qualidade – MBA POLI USP da ESCOLA POLITÉCNICA é preparar e qualificar profissionais de nível superior para exercerem cargos de chefia e direção em suas organizações, públicas ou privadas, e em quaisquer setores ou ramos de atividade, “com a visão da qualidade e da excelência”, visando a dotar o Brasil de profissionais qualificados, que lhe permitam assumir a posição de destaque que vem buscando nos cenários desafiantes do mundo de hoje.

Público-Alvo

Empresários, executivos e profissionais de nível superior interessados em aprofundar seus conhecimentos nessa área. Para estes o MBA POLI USP em Gestão e Engenharia da Qualidade constitui uma oportunidade de extensão acadêmica, oferecida de forma dosada e gradativa, que permite ao participante conciliar suas atividades profissionais com a necessidade de expansão e aprimoramento intelectuais. Além disso, o Curso é organizado de forma a não apenas informar os participantes, mas realmente capacitá-los a aplicarem seus conhecimentos no dia a dia de suas organizações.

Local & horário realização do curso

As aulas serão realizadas na Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, de segundas a sextas-feiras, das 19h20 às 22h40. Verifique os dias da semana das disciplinas em Serviços ao aluno.

É possível que as primeiras disciplinas sejam realizadas na modalidade a distância, forma síncrona, enquanto perdurarem as restrições de acesso ao espaço físico da USP – Universidade de São Paulo, devido a pandemia Nova COVID-19.

ATENÇÃO! - O Programa de Educação Continuada da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (PECE/EPUSP) reserva-se o direito de não realizar este curso, ou modificar sua data.

A Coordenação do curso está a cargo de Prof. Dr. Gilberto Francisco Martha de Souza e Prof. Dr. Adherbal Caminada Netto, ambos formados em engenharia naval pela Escola Politécnica da USP.

O Prof. Gilberto é doutor em Engenharia Mecânica, com pós-doutorado na Universidade de Maryland, professor do Departamento de Engenharia Mecatrônica e de Sistemas Mecânicos da EPUSP e consultor de empresas.

O Prof. Adherbal também é pós-graduado pela EPUSP, possui Especialização em Aprimoramento Empresarial (EPUSP/IRS-FIESP), professor do Departamento de Engenharia Mecânica da EPUSP e consultor de empresas.

Ambos os coordenadores têm experiência na área de estratégia e logística de operações.

O corpo docente é formado por professores da Universidade de São Paulo e por Especialistas convidados, todos selecionados e convidados por sua efetiva atuação profissional correlata com os assuntos que ministram.

Camila Batista Pilz
Cleusa Cristina Bueno Martha de Souza
Guilherme Eduardo da Cunha Barbosa
Joaquim Rocha dos Santos
Jose Aparecido Da Silva
José Pinto Ramalho
Larissa Driemeier
Luciano Mazza
Monica Rottmann de Biazzi
Omar Moore de Madureira
Regina Maria Azevedo

ATENÇÃO! - O Programa de Educação Continuada da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (PECE/EPUSP) reserva-se o direito de não realizar este curso, ou modificar sua data.

O investimento deste curso:

Valor total de R$ 22.776,00 ou em 24 parcelas mensais e consecutivas de R$ 949,00.

Pagamento à vista tem 5% de desconto.

Para maiores informações, por favor, entrar em contato com a nossa Central de Apoio ao Aluno:
Atendimento online:  de segunda-feira à sexta-feira, das 08h30 às 20h00.
E-mail: atendimento@pecepoli.com.br

ATENÇÃO! - O Programa de Educação Continuada da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (PECE/EPUSP) reserva-se o direito de não realizar este curso, ou modificar sua data.

Processo seletivo
1. O interessado em participar do Processo Seletivo deste curso deverá proceder da seguinte forma:
a) Preencher a Ficha de Inscrição;
b) Efetuar o pagamento da taxa de inscrição no valor de R$ 150,00 (cento e cinquenta reais), através de boleto bancário. O boleto bancário será enviado automaticamente para sua caixa postal logo após o preenchimento e envio da ficha de inscrição. O valor da taxa será abatido na 2ª parcela do Curso.
2. Seleção:
A seleção será feita com base nas informações fornecidas pelo interessado na “Ficha de Inscrição”.
Caso o interessado seja aprovado, receberá e-mail do Centro de Apoio ao Aluno, com instruções para efetivar sua matrícula.
Lembrando que, a participação no processo seletivo só será possível com a confirmação do pagamento da taxa de inscrição.

Datas de inscrição e matrícula
Inscrições: a partir de 08/08/2021.
Entrevista: não há.
Resultado: por e-mail ou telefone.
Matrículas: a partir de 06/12/2021.
Início das Aulas: 21/02/2022.

Matrícula no curso
Para matricular-se neste curso o interessado deve ter sido aprovado no respectivo Processo Seletivo.
O inscrito que for aprovado no Processo Seletivo, deverá nos apresentar no ato da matrícula, uma cópia simples (que será retida ) e original dos seguintes documentos:
a) CPF;
b) RG;
c) Diploma do curso superior;
d) Comprovante de residência;
e) 01 foto 3X4 recente;
f) Termo de compromisso de pagamento das parcelas financeiras referentes ao valor de investimento do curso.

A efetivação da sua matrícula deverá ser devidamente confirmada pelo Centro de Apoio ao Aluno.
A matrícula somente será considerada efetuada mediante o nosso recebimento de todos os documentos necessários acima mencionados.

ATENÇÃO! - O Programa de Educação Continuada da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (PECE/EPUSP) reserva-se o direito de não realizar este curso, ou modificar sua data.

Certificação USP


Para que o aluno conquiste o certificado do curso de Gestão e Engenharia da Qualidade – MBA POLI USP, emitido oficialmente pela Universidade de São Paulo, deverá ser aprovado em todas as disciplinas do curso, com nota mínima de 7,0 e presença acima ou igual a 0%, assim como a aprovação da sua monografia pela banca examinadora.

Certificado USP

Processo de inscrição

Para realizar a inscrição e participar do Processo Seletivo o candidato deverá proceder da seguinte forma:

PRÉ-REQUISITOS

Espera-se dos candidatos, sólida formação superior, conhecimentos básicos de inglês e experiência profissional.

PAGAMENTO

Efetue o pagamento da taxa de inscrição no valor de R$ 150,00 (Cento e cinquenta reais), por meio de boleto bancário, enviado automaticamente para o e-mail cadastrado.

O valor da taxa será abatido na 2ª parcela do curso. Caso o candidato não seja aprovado, esse valor não será devolvido.

SELEÇÃO

A seleção será feita com base nas informações fornecidas pelo interessado na “Ficha de Inscrição”. Caso o interessado seja aprovado, receberá e-mail do Centro de Apoio ao Aluno, com instruções para efetivar sua matrícula.

Só será possível participar do processo seletivo, após a confirmação do pagamento da taxa de inscrição.

ATENÇÃO! - O Programa de Educação Continuada da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo - PECE/EPUSP reserva-se o direito de não realizar este curso, ou modificar sua data.

Estrutura
de qualidade

Histórias de Sucesso

Torne-se um líder produtivo no mercado.